sábado, 26 de novembro de 2011

Nooooossa !

"tesão..sexo...desejo
São palavras que me ocorrem sempre que penso em ti.
Entras no meu pensamento sem que me dê conta,
uma ou outra vez enquanto me dedico a outras tarefas.
Por vezes tão inóquas,
se comparadas com o que despertas em mim.
As minhas emoções fervilham,
a pele adquire o tom rosado.
O calor espalha-se pela carne e esconde-se em cada recanto.
A gotícula de suor,
essa, desce pelo pescoço e aloja-se entre os meus seios.
Olho de soslaio a ver se ninguém se apercebe do estado em que fico
quando a tua imagem invade a minha mente.
Num gesto que pretende passar despercebido,
o pulso roça-se
sentindo o mamilo rijo.
Se te pudesse enviar agora uma sms a contar-te, ririas.
Pior que isso.
Pedirias que fosse rapidamente à casa de banho
para tirar uma foto e enviar-ta pelo telemóvel.
Verias como ele anseia pelo toque da tua boca,
pelo premir dos teus dedos.
Sinto a volúpia humedecer o meu sexo com a imagem dessa carícia.
Porque imagino a mesma boca, tocando-o.
Saboreando o néctar que te entrego desfalecida
a cada prazer trocado contigo.
Se me visses agora, se me sentisses,
sei que ficarias tão ansioso quanto eu por um momento a dois,
nem que fosse fugaz.
Imagino-te tão excitado quanto eu.
Imagino-me a tocar-te.
A fazer-te gemer com cada deslizar dos meus lábios.
Por ti. Para ti.
Mas tenho de manter este meu ar compenetrado,
como se pelo meu pensamento não passassem imagens tortuosas de nós dois,
rebolando numa cama, 
ou á beira do mar...
Imagino-nos esquecidos do mundo.
Atentos à luxúria que sai de nós.
Pego no telemóvel e digito uma mensagem:
‘Dás-me tanto tesão. Tenho vontade de ti’"

4 comentários:

  1. Gostei muito do teu blogue, estou a seguir :) eu fiz o meu ha pouco e ainda nao percebo muito disto ahah *

    ResponderEliminar